FAQ's Puericultura

CADEIRAS AUTO

Porque é que eu preciso de uma cadeira auto?

O Código da Estrada em Portugal determina que crianças com menos de 1,35m de altura e menos de 12 anos de idade devem utilizar sempre sistemas de retenção aprovados. Na Europa, todas as cadeiras-auto têm uma etiqueta de homologação ECE R44/04 cor laranja. Esta etiqueta garante que a cadeira auto cumpre as exigências de segurança estabelecidas na norma de segurança europeia.

Transportar um bebé nos braços é uma alternativa viável a uma cadeira auto?

Não, é extremamente perigoso. No caso de impacto frontal, uma criança com 15 kg de peso a viajar a 48 km/h atinge um peso 360 kg, devido ao efeito de desaceleração. Nenhum ser humano poderia segurar uma criança nestas condições. É portanto essencial utilizar sempre uma cadeira auto para crianças, mesmo em curtas distâncias, e nunca segurar uma criança nos seus braços. Transportar uma criança num automóvel sem o respetivo sistema de retenção é uma contraordenação grave, punida por lei.

Posso colocar a cadeira auto em qualquer assento?

As cadeiras auto podem ser colocadas no assento da frente mas é sempre recomendado colocar a cadeira auto da criança no banco de trás do carro e, se possível, no meio. Se tal não for possível, recomenda-se que a instale do lado direito do carro (lado do passeio). Se tiver que colocar no banco da frente certifique-se sempre de que o airbag está desativado.

Posso colocar 3 cadeiras auto no assento traseiro do automóvel?

Essa possibilidade depende do automóvel, existem alguns modelos que permitem colocar 3 cadeiras auto no banco traseiro mas recomenda-se que verifique com o concessionário automóvel para obter mais informações.

Em que sentido deve ser instalada a cadeira auto?

De acordo com a norma ECE R44/04 todas as crianças até 13 kg de peso devem ser transportadas no sentido inverso à marcha. A norma I-Size refere que crianças até aos 15 meses devem viajar no sentido inverso à marcha.

Posso colocar a cadeira auto em qualquer assento?

As cadeiras auto podem ser colocadas no assento da frente mas é sempre recomendado colocar a cadeira auto da criança no banco de trás do carro e, se possível, no meio. Se tal não for possível, recomenda-se que a instale do lado direito do carro (lado do passeio). Se tiver que colocar no banco da frente certifique-se sempre de que o airbag está desativado.

Porque é que é melhor que os bebés viajem de costas para a estrada?

A cabeça dos bebés é maior e mais pesada do que o resto do corpo, além disso, os músculos do pescoço ainda não estão completamente desenvolvidos. Colocando o bebé numa posição de costas para a estrada as forças exercidas no caso de uma colisão serão distribuídas por todo o corpo do bebé.

Posso usar uma cadeira auto em segunda mão?

A utilização de cadeiras auto em segunda mão pode ser extremamente perigosa. Os danos estruturais podem ser mínimos e invisíveis, no entanto, são muito perigosos e podem comprometer os níveis de segurança exigidos. A utilização de cadeiras auto em segunda mão não é recomendada.

Tive um acidente, posso continuar a usar a minha cadeira auto?

No caso de acidente, mesmo que a baixa velocidade ou de pouca gravidade, os fabricantes recomendam que se inutilize a cadeira pois pode ter sofrido danos invisíveis que podem colocar em causa a segurança da criança.

A escolha da cadeira auto depende da idade da criança?

Não, a escolha da cadeira auto depende da altura ou do peso da criança. Há duas legislações diferentes de cadeiras auto: I-Size e ECE R44/04. O I-size utiliza a altura da criança para regular a utilização de cadeira auto, enquanto que a ECE R44/04 utiliza o peso.

Como funciona a Norma ECE R44/04?

Esta norma divide as cadeiras auto em 4 grupos tendo por base o peso da criança:
- Alcofa do Grupo 0 para crianças até 10kg
- Cadeira auto do Grupo 0+ para crianças até 13 kg
- Cadeira auto do Grupo 1 para crianças entre 9 e 18kg
- Cadeira auto do Grupo 2 para crianças entre 15 e 25kg
- Cadeiras auto do Grupo 3 para crianças entre 22 e 36kg

Porque é que a mudança da criança para uma cadeira auto maior deixou de estar dependente do peso e passou a estar dependente do comprimento da criança?

Ao estipular que todas as crianças com menos de 75/80 cm deveriam utilizar cadeiras instaladas no sentido inverso da marcha, há menos tendência para os pais pensarem que a criança está grande demais para a cadeira apenas porque os pés saem para fora da mesma. Por conseguinte, irão continuar a utilizar a cadeira instalada no sentido inverso da marcha, que oferece proteção adequada à cabeça e ao pescoço, particularmente importante durante os primeiros quinze meses de vida.

Porque razão é que a decisão de mudar a criança para uma cadeira maior não é tomada com base na idade da criança?

É o que a nova norma faz. Recomenda que a cadeira instalada no sentido inverso da marcha seja substituída quando a criança tiver 15 meses de idade e/ou 75/80 cm de comprimento. A necessidade de uma medida dupla deve-se ao facto de nem todas as crianças crescerem à mesma velocidade.

Por que razão os pais mudam a criança para uma cadeira maior demasiado cedo?

Sabe-se que o desejo dos pais de mudar a criança para uma cadeira virada para a frente se deve ao facto de tal permitir a interação da criança com os outros passageiros do carro. Ao basearmos as instruções para a escolha do tipo de cadeira no comprimento da criança, prevenimos uma mudança precoce, mesmo quando os pés da criança estão fora da cadeira.

O que é o I-Size?

O I-Size é uma nova legislação que aumenta o nível de segurança para as crianças a viajar de automóvel. Entrou em vigor em Julho de 2013 e irá permanecer em paralelo com a atual norma ECE R44/04.
Esta nova norma torna a viagem em sentido inverso à marcha obrigatória até pelo menos aos 15 meses de idade. Esta regra garante também uma melhor proteção da cabeça e pescoço.
A norma I-Size passa a classificar as cadeiras auto consoante o comprimento do bebé em vez do peso. O I-Size obriga o uso de Isofix.

Quais serão as melhorias na segurança das cadeiras-auto com a nova norma I-Size?

- Obrigatoriedade do transporte de crianças no sentido inverso da marcha do veículo (viradas para trás) até aos 15 meses. Garante uma maior proteção do pescoço e da cabeça do bebé a embates laterais, do que a norma atualmente em vigor que prevê esta situação até aos 9-12 meses.
- Novas especificações e critérios de testes.
Garante maior proteção contra o impacto lateral em caso de acidentes mais violentos. O regulamento ECER44/04, atualmente em vigor, não contempla o teste do impacto lateral em caso de acidente. O impacto lateral representa uma grande percentagem dos acidentes ocorridos.
- Classificação das cadeiras auto baseada na estatura da criança e não no seu peso.
Utilização do comprimento da criança em vez do peso como critério de classificação, garante menos mudanças prematuras para cadeira maior, graças a recomendações mais claras no critério de classificação, por exemplo, 15 meses de idade e/ou 75/80 cm de comprimento.
- Redução significativa dos erros de instalação da cadeira auto na viatura.
Graças ao procedimento simples de colocação e encaixe característico das cadeiras tipo ISOFIX garante a diminuição acentuada das instalações incorretas das cadeiras auto que utilizam os cintos da viatura. Garante também uma melhor compatibilidade entre as cadeiras auto e os assentos automóveis.

O que é o Isofix?

O Isofix é um sistema utilizado para instalar as cadeiras auto ao chassis do carro com maior segurança, sem necessidade de utilização dos cintos de segurança do automóvel.
O sistema Isofix está fixo ao chassis do carro, tornando-se assim parte integral do mesmo.
O sistema ISOFIX existe para os modelos universais e semi-universais. Para os modelos universais (cadeiras do grupo 1 e 1/2/3) o sistema Isofix é composto da seguinte forma:
- 2 sistemas de ancoragem inferiores situados na junção do assento e do encosto, permitindo a fixação de dois ganchos na base da cadeira da criança.
- 1 sistema de ancoragem superior (“Top Tether”) situado por trás do encosto do assento, permitindo a fixação do cinto anti-rotação da cadeira.
Os modelos semi-universais (cadeiras dos grupos 0/0+/1) do Isofix são constituídos por:
- 2 sistemas de ancoragem inferiores tal como no sistema universal.
- 1 sistema anti-rotação, geralmente um pé de apoio frontal (Pé Isofix)
Em ambos os sistemas a fixação é conseguida através de 3 sistemas de ancoragem específicos e rígidos. Os dois modelos utilizam sistemas de ancoragem inferiores, mas diferem no terceiro ponto de apoio, no sistema anti-rotação.
Caso opte por comprar uma cadeira Isofix , deve verificar qual o sistema com que o seu carro vem equipado. Consulte o manual do automóvel e confira se tem o terceiro ponto de apoio, o sistema de ancoragem para o cinto “top tether“, ou seja, se o seu carro está equipado com o sistema Isofix universal.

O que é o Top Tether e o pé isofix?

O “top tether” é um dispositivo anti-rotação para as cadeiras Isofix.
É um terceiro ponto de fixação da cadeira ao automóvel e apresenta-se sob a forma de um cinto unido à parte superior de uma cadeira de segurança e que se prende ao automóvel através de uma âncora específica.
Alternativamente ao um terceiro ponto superior, existe o terceiro ponto inferior, que é conseguido pelo pé Isofix que se apoia no chão do automóvel.

O que é o sistema ou a base autofix?

Algumas cadeiras possuem uma base (que pode ser comprada incluída na cadeira ou à parte) para fixar no banco do automóvel com o cinto de segurança. Esta situação é comum no Grupo 0+.
Esta base permanece sempre no automóvel o que torna bastante cómoda a colocação da cadeira deste grupo. A cadeira encaixa facilmente quando pousada na base não necessitando de mais nenhuma operação. O cinto de segurança já está ativado sobre a base.

Não tenho o sistema ISOFIX no meu automóvel, posso instalá-lo?

Não é possível instalar os pontos ISOFIX no automóvel uma vez que os mesmos são colocados durante o seu processo de fabrico, estando fixos ao chassis. No entanto, existem várias marcas de automóveis que oferecem o sistema Isofix. Nestes carros, os pontos de fixação já estão integrados na parte inferior da estrutura do carro.

O sistema ISOFIX é mais seguro do que instalar a cadeira auto com os cintos de segurança?

A vantagem do sistema ISOFIX é que este previne uma instalação incorreta da cadeira auto (através de um indicador vermelho ou verde), no entanto, uma cadeira auto instalada corretamente pelo sistema tradicional tem o mesmo nível de segurança.

CARRINHOS

Como escolher o carrinho de rua ideal?

Para fazer a melhor escolha de carrinho de rua deve ter em conta os seguintes fatores:
- O piso em que vai ser utilizado;
- O tamanho da bagageira do carro em que se pretende transportar;
- Se vai ser usado em transportes públicos ou elevadores;
- O espaço de arrumação que permite.

Quais as opções de carrinho?

- Carrinho 3 rodas
É indicado para terrenos/pisos variados. É um carrinho desportivo.
Tem como ponto forte as rodas grandes que permitem uma boa aderência ao chão e um bom amortecimento.
O seu ponto menos positivo é que não são os mais leves nem os mais compactos quando fechados.
- Carrinho 4 rodas (pequenas)
É o carrinho feito para a cidade e piso regular. As rodas pequenas conferem-lhe manobrabilidade.
Por ser mais compacto e leve é facilmente usado em transportes públicos e elevadores.
-Carrinho 4 rodas (médias)
É um bom compromisso entre o carrinho de cidade e o de três rodas mais desportivo.
É interessante para usar em tipos de terreno distintos, campo ou cidade.
- Carrinho bengala
Quando o bebé já anda, mas precisa de fazer pausas para descansar, este é carrinho ideal.
O carrinho bengala é o carrinho de passeio da cidade adequado para crianças com mais de nove meses. É muito prático, dobrável, compacto e permite uma grande mobilidade.
- Carrinho para gémeos
Permite acomodar simultaneamente 2 crianças
Carrinho modelável (sistema de transporte)
É um carrinho que cresce com o bebé e ajusta-se às suas necessidade, na medida em que pode incluir a cadeira grupo 0 e/ou a alcofa (para utilizar no automóvel ou para utilizar no chassis do carrinho e passear).

Não posso levar o carrinho de bebé quando vou de férias o que devo fazer?

Se o seu bebé se consegue sentar sozinho, pode optar por um carrinho de bebé para segunda idade, este é mais compacto que os carrinhos normais. Se tem um recém-nascido, é aconselhável alugar um carrinho de bebé adaptado ao local das suas férias.

Qual é a garantia do meu carrinho de bebé?

As condições específicas de garantia podem ser consultadas em www.mo-online.com. Deve guardar sempre o comprovativo de compra do produto para poder ativar a garantia da marca.

Os carrinhos à venda nas lojas MO cumprem com os requisitos legais?

Todos os artigos à venda nas lojas MO cumprem com as normas europeias mais atuais (EN 1888:2012).

Vou viajar de avião, posso levar o meu carrinho de bebé?

A maior parte das companhias aéreas apenas permite o transporte de um volume pequeno e compacto na cabine (5-7Kg). Aconselha-se que valide sempre o seu carrinho de bebé no check-in. Idealmente questione antecipadamente a companhia aérea sobre quais as regras específicas do voo.

Posso encomendar peças para o meu carrinho?

Sim. Pode solicitar disponibilidade, preços e prazos de entrega de peças em qualquer loja MO.